Reprodução/Jose Barboza-Gub

O fotógrafo Jose Barboza-Gub e a mulher trans Andrew Mroczek produziram um ensaio que vem chamando a atenção. O projeto Virgenes de La Puerta é um protesto a favor da liberdade dos transexuais.

Eles reuniram 17 mulheres transexuais e usaram ícones religiosos. “O objetivo é servir de plataforma para mulheres silenciadas há tanto tempo. Quando dizemos que somos a camada mais baixa da sociedade peruana, é uma verdade irrefutável. Ainda existe muita marginalização, opressão e pouco progresso”, afirmou Jose.

Reprodução/Jose Barboza-Gub

“Grande parte do projeto é sobre reimersão e reingressá-los na cultura que elas amam; a cultura delas. Elas querem se sentir representados. Para a maioria das mulheres trans, elas não podem participar da maioria das funções eclesiásticas e culturais. Então, para serem capazes de se verem em sua própria cultura, foi incrivelmente importante. A maioria, se não todas as mulheres, é muito católica. Então é muito difícil para elas não serem aceitas pela própria igreja”, afirmou Andrew.

Confira:

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos