A Swan School, localizada em Oxford, na Inglaterra, abriu as portas pela primeira vez nesta semana, mas já está causando revolta em alguns pais. O local optou por servir um cardápio vegetariano durante o almoço, que inclui lasanha de lentilha, fritada de queijo feta e carne vegetal e bolinhos de batata, segundo informa o Metro UK.

Alguns lanches com carne e peixe até estão disponíveis para compra durante o intervalo, mas as refeição são estritamente vegetarianas. Porém, uma mãe relatou ao jornal que sua filha teria voltado com fome após os primeiros dias de aula.

“Ouvi dizer que outras crianças também voltaram com fome. Deveria haver uma opção com carne, nunca vi uma escola assim”, criticou.

Outro ponto desaprovado é a impossibilidade dos alunos levarem comida de casa.

Ao Metro UK, a diretora Kay Wood explicou que a instituição optou por um cardápio vegetariano por três motivos: “nos permite servir alimentos mais saudáveis pelo mesmo valor [de um menu com carne]; em segundo lugar, é sustentável, gera grandes benefícios ao meio ambiente; e o mais importante: permite que estudantes de diferentes religiões e com dietas restritivas comam juntos”.

Em relação a vetar alimentos de casa, Wood explica: “queremos que todas as crianças e funcionários façam as refeições juntos e se socializem”.

Fechar X
Sem mais artigos