O McDonald’s está investindo em tecnologia para impulsionar suas vendas no mundo todo. A rede de fast food comprou uma startup israelense para criar novos menus a partir de inteligência artificial.

De acordo com o Wall Street Journal, o McDonald’s fechou acordo com a Dynamic Yield por US$ 300 milhões e pretende utilizar os serviços da empresa já em 2019. O objetivo é usar o software desenvolvidos pelos israelenses e adaptar a venda dos produtos da rede de fast food com base no tempo, localização, preferência e demanda dos consumidores.

“Com essa aquisição, estamos expandindo nossa capacidade de aumentar o papel que a tecnologia e os dados terão em nosso futuro e a velocidade com a qual poderemos implementar nossa visão de criar experiências mais personalizadas para nossos clientes”, disse Steve Easterbrook, presidente e CEO do McDonald’s.

O software criado pela Dynamic Yield será utilizado nos drive-thrus do McDonald’s, no aplicativo e também nos quiosques digitais que já existem dentro de algumas franquias físicas.

A compra da startup não deverá ser o único investimento do McDonald’s neste ano. Segundo informações da emissora norte-americana ABC, a empresa pretende gastar mais de US$ 1 bilhão em inovações somente nos EUA.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos