Não é nenhum segredo que, apesar de ser muito gostoso, o açúcar pode prejudicar muito a saúde. Mas os problemas não se restringem somente a peso ou diabetes, e alguns deles são diretamente ligados à pele.

Comer apenas uma sobremesa simples no jantar é o suficiente para vermos o resultado da indulgência na pele. Em apenas uma noite, a pele já pode sentir os efeitos da escolha graças ao processo inflamatório engatilhado pelo açúcar. Dr. Saya Obayan, dermatologista, explica que quando comemos muito açúcar, ele vai direto para a barriga, é processado, e já entra direto na corrente sanguínea, causando a inflamação.

Comidas com glicemia elevada, como pães, refrigerantes, molhos de salada, e comidas assadas contém açúcar refinado e processado e amido fazem os níveis de insulina subirem. Isso faz com que o processo inflamatório piore, resultando em espinhas e acne.

Muito açúcar também pode agravar outras condições da pela como rosácea, eczema, e psoríase, de acordo com a doutora Dr. Debra Jaliman, dermatologista. Por isso, se você sofre de alguma doença desencadeada por um processo inflamatório, o melhor a fazer é evitar o consumo excessivo de açúcar.

E por fim, se você não quer que sua pele envelheça rápido, tem mais um motivo para evitar o açúcar! Dr. Donna Hart explica que comidas com altos níveis glicêmicos também contribuem para uma aceleração na glicação, que diminui a quantidade de fibras do colágeno.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos