Atitudes e comportamentos sexistas também se escondem nos pequenos detalhes. Elas podem vir disfarçadas em um conselho, uma recomendação, uma ordem ou mesmo um código de vestimenta.

A estudante Tori DiPaolo percebeu isso no próprio colégio, o West Milford High, quando recebeu as “recomendações”de roupas e acessórios para a sessão de fotos do livro anual escolar. Para a surpresa da jovem, algumas peças estavam proibidas, tais como tops, saias e blusas que deixam os ombros à mostra.

Bizarro, não é mesmo? A adolescente não deixou barato. Em entrevista ao Huffington Post, Tori explicou que o código de vestimenta era extremamente sexista por apenas orientar mulheres, ao contrário dos homens, que poderiam se vestir de qualquer maneira.

Por isso, ela apareceu deslumbrante na fotografia oficial do livro escolar, com ombros à mostra e tudo mais. Mas a cereja do bolo ficou por conta da frase escolhida por Tori para acompanhar o retrato. “Desculpe, mas meus ombros te distraíram ao ler essa frase?”.

Tori 1 x o Escola. “O código de vestimenta da minha escola proíbe camisas masculinas que deixam os músculos à mostra, mas os garotos usam mesmo assim e não acontece nada. Quando a alça do meu sutiã aparece sem querer, imediatamente sou obrigada a ir arrumar no banheiro. De qualquer maneira, todas essas regras não fazem sentido. Ninguém se distrai por causa de ombros à mostra”.

Fechar X
Sem mais artigos