O desejo de Chase Neyland-Square, aluno do 9º ano da Port Allen Middle School, localizada no estado norte-americana da Luisiana, é que todos os seus colegas tenham a mesma oportunidade de vestir boas roupas para irem à escola. Infelizmente, a realidade é bem diferente.

“Sei que nem todo mundo tem condições de comprar e eu tenho sorte por ter coisas que os outros não têm. Olho para isso e às vezes penso ‘como eu me sentiria no lugar deles?'”, contou o estudante de 13 anos ao noticiário ‘WAFB’. Então, para ajudar os colegas carentes, Chase criou o PAM’s Pantry, um armário cheio de roupas prontas para serem adotadas por alunos que necessitam.

Os itens doados já ocupam duas araras. Além de casacos, sapatos, vestidos e camisetas, há também uma seção de materiais escolares.

E essa não foi a primeira vez que o estudante coloca a mão na massa. Sua mãe, Amanda Square, contou ao programa ‘Good Morning America’ que o filho já organizou jantares para idosos e doou 700 pares de meias a pessoas em situação de rua.

A ideia do armário comunitário ganhou vida porque Chase queria que “todos se sentissem iguais”. “Às vezes, os alunos têm menos confiança na sala de aula por causa da roupa que estão usando”. A ação foi colocada em prática durante o Programa Estudantil de Artes, Recreação e Conhecimento, criado pela escola há três anos com o intuito de fomentar jovens lideranças.

Fechar X
Sem mais artigos