A violência contra a mulher aumentou no último ano na cidade de São Paulo, aponta estudo da Rede Nossa São Paulo divulgado nesta terça-feira (5).

Segundo o Mapa da Desigualdade Social 2019, os feminicídios cresceram 167% na capital e as ocorrências de violência subiram 51%.

As áreas da Sé e Barra Funda são as que têm as maiores taxas de mulheres mortas em decorrência de gênero. Na primeira, foram registrados 8,4 casos de feminicídio para cada 10 mil mulheres entre 20 e 59 anos. Este número é 56 vezes maior do que em outros 20 distritos da cidade.

Violência contra a mulher na TV e no cinema:

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos