Madonna nunca foi de deixar de dizer o que pensa, e provou isso mais uma vez com o novo clipe de seu single “God Control”, que saiu nessa quarta-feira, dia 26. O vídeo inclui cenas com uma crítica muito clara à falta de regulamentação das armas e à violência armada nos Estados Unidos.

No decorrer do clipe, vemos cenas ilustrando tiroteios em massa, e parece ser uma referência específica ao tiroteio em Orlando em 2016, o incidente com o maior número de vítimas na história do país até então. Ao final, foram incluídas cenas reais de protestos pedindo por leis contra o uso descontrolado de armas.


Em relação às críticas negativas sobre as cenas mais explícitas de tiroteio, Madonna respondeu à CNN que “é isso que acontece em tiroteios”. “Uma bala atravessa seu corpo, te joga no chão e toma a sua vida, e você sangra até morrer. Essa é a realidade”.

A cantora ainda explicou que sente ser sua responsabilidade dizer algo. “A violência armada afeta desproporcionalmente crianças e os desprovidos de direitos em nossa sociedade. Isso me inspira a usar minha arte e minha plataforma para incentivar mudanças”.

Outra faixa do disco, “I Rise”, também faz referência ao tiroteio numa escola em Parkland em 2018, e usa como sample o discurso da estudante e sobrevivente Emma Gonzalez.

Madonna sempre se destacou por fugir e acabar com tabus, e agora, pretende começar novamente um debate necessário.

Relembre aqui outros momentos polêmicos da vida da cantora:

Fechar X

 

Fechar X
Sem mais artigos