Quando An Rong descobriu que sua mãe, uma senhorinha de 87 anos, estava com depressão, ela teve uma ideia sensacional para que ela se sentisse melhor: levá-la para conhecer o mundo. E para realizar esse objetivo, que era o sonho de sua mãe (e de todos nós, vamos combinar), ela não se deixou afetar nem pela dificuldade que é o fato dela só conseguir se locomover em uma cadeira de rodas.

Quando o diagnóstico veio, em 2009, os médicos afirmaram que o cérebro da idosa estava encolhendo aos poucos. De lá para cá, An levou a mãe para diversos países, como o Japão, a Coreia dos Sul, a Tailândia, os Estados Unidos, entre outros. E não é que a essa terapia alternativa vem dando certo? A saúde dela está cada vez melhor.

Se liga só em algumas fotos feitas durante essas viagens!

Fechar X

Fechar X
Sem mais artigos