O chefe do Departamento de Polícia da cidade de Galveston, no Texas, nos Estados Unidos, pediu desculpas depois que dois oficiais brancos transportaram um suspeito negro pelas ruas usando uma corda.

Segundo o site Insider, o homem de 43 anos foi detido, no último sábado (3), sob acusação de invadir uma propriedade. Ao chegar no local, os policiais o algemaram e, em vez de esperar pelo transporte, levaram o suspeito até a delegacia com as mãos amarradas por uma corda . Ele caminhava enquanto os oficiais iam montados em cavalos.

As imagens circularam pela internet e, obviamente, geraram uma chuva de críticas. “Não consigo entender porque estes oficiais acharam que podiam transportar um suspeito desta maneira”, disse uma pessoa no Twitter.

Em nota, o departamento se desculpou: “primeiro e acima de tudo, queremos nos desculpas com o Sr. Neely por esta situação desnecessária e embaraçosa. Apesar desta técnica ser usada em alguns cenários, acreditamos que nossos policiais não julgaram da melhor maneira”.

A Associated Press informou que o suspeito está livre sob fiança.

Fechar X
Sem mais artigos