As holandesas Ingrid Meijering e Marion Duimel queriam mostrar como os idosos vivem com suas tatuagens. Por isso, criaram o projeto GetOud: uma série de imagens que mostra pessoas com mais de 65 anos e conta suas histórias com os desenhos.

Durante os três anos de sessões fotográficas, elas descobriram que apenas alguns participantes tinham feito tatuagens na juventude. A maioria havia decidido se tatuar nos últimos 10 anos. Ou seja, quando já tinham mais de 55 anos.

Toos, que aparece na foto acima, fez a primeira tatuagem aos 79 anos. “Estava me sentindo velho e comecei a fazer tatuagens para me sentir mais jovem. Agora, gosto de usar camiseta de manga curta para exibir meus desenhos”, contou.

Fechar X
Fechar X