O Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) suspendeu por um jogo o líbero do Vôlei Futuro e da seleção brasileira Mário Júnior. Com a decisão, o atleta não entrará em quadra contra São Caetano no próximo sábado (15), em jogo válido pela Superliga Masculina de vôlei.

A decisão foi tomada por conta da discussão que Mário Jr. teve com os árbitros da partida contra o Sogipa, no final de novembro de 2010. 

Depois do fim do jogo, em que o Vôlei Futuro perdeu por 3 sets a 2, o líbero se dirigiu ao trio de arbitragem dizendo: “Tu, tu e tu é ladrão, eu sou seleção”.

As palavras de Mário Júnior foram descritas no relatório da partida e ele foi denunciado no artigo 258 (assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva) do Código Brasileiro de Justiça Desportiva.

Fechar X
Sem mais artigos