Com três jogos oficiais no comando do Barcelona, Tito Vilanova já recebeu sua primeira punição oficial da Federação Espanhola de Futebol, depois de ter sido expulso na vitória da equipe catalã sobre o Osasuna, por 2 a 1, no último domingo.

Tito foi suspenso por duas partidas, mas poderá comandar a equipe na partida de volta da Supercopa da Espanha, nesta quinta-feira, contra o Real Madrid, no Santiago Bernabéu, já que sua infração – reclamar com a arbitragem – foi considerada leve.

Quem não teve a mesma sorte foi o lateral-esquerdo da equipe da capital Fabio Coentrão, expulso na partida contra o Getafe. O atleta que não atuou, mas foi punido pelo árbitro por reclamar do banco de reservas, está suspenso por quatro jogos.

Como o árbitro Miguel Ángel Pérez Lasa denunciou ofensas e insultos por parte do português. A punição foi considerada grave e é imediata, por isso, Coentrão fica fora da decisão que será realizada às 17h30 (horário de Brasília).

Quem sofreu punição disciplinar pela Federação Espanhola foi o Barcelona, multado em 602 euros (R$ 1.544), por alteração leve da ordem no jogo de ida da Supercopa da Espanha, realizado no Camp Nou.

Fechar X
Sem mais artigos