Em cartaz nos cinemas com ‘Era Uma Vez em… Hollywood’, Brad Pitt brilha. Mas o ator abriu o jogo e falou sobre seu lado mais sombrio em entrevista ao The New York Times: o alcoolismo.

Após o fim do casamento de 11 anos com Angelina Jolie, o ator contou que frequentou o grupo dos Alcoólicos Anônimos por um ano e meio e atualmente está comprometido com a sobriedade. “Levei as coisas longe demais, então perdi meu privilégio de beber”, explicou ao veículo.

O casamento já estava desgastado por causa dos problemas do ator com a bebida. Na época, foi veiculado que o rompimento finalmente ocorreu após o casal brigar por Pitt estar bebendo a bordo de um jato particular.

O artista começou então a frequentar um grupo masculino dos Alcoólicos Anônimos, um acontecimento que mexeu com o ele. “Todos aqueles homens sentados, conversando honestamente de um jeito que nunca tinha visto antes”, relembra.

E para surpresa de Pitt, nenhum de seus relatos foram parar nos tabloides: “foi libertador expor meus lados sombrios. Há um grande valor nisso”, explicou.

Fechar X
Sem mais artigos