Os irmãos resolveram voltar com tudo mesmo! Além dos novos singles e datas de turnê, os Jonas Brothers soltaram um novo documentário dias antes do lançamento do novo CD, Happiness Begins. O documentário chama-se Chasing Happiness, e mostra detalhes íntimos da carreira dos garotos, porque a banda se separou, e como foi a jornada de volta para os palcos.

1- Eles amavam música e atuação desde muito jovens

Aos 3 anos, Nick já se corrigia ao errar notas enquanto cantarolava músicas pela casa, seu pai contou. Nick e Joe ambos atuaram em produções de peças da Broadway, e Kevin fez um comercial – tudo isso antes do mais velho, Kevin, fazer 13 anos.

2- Tiveram de se mudar de cidade e sair da igreja por causa da música

O pai dos Jonas, Kevin Sr., era pastor de igreja, e a comunidade não aceitou bem o fato dos filhos não cantarem músicas cristãs. Kevin Sr. saiu da igreja, e eles se mudaram. Um pouco depois disso, a gravadora Sony cancelou o contrato que tinha com os irmãos.

3- Eles é quem traziam dinheiro pra casa no início da carreira

Quando começaram a fazer turnês, eles cantaram em escolas e shoppings, e chegaram a ser vaiados. Por um tempo, a única fonte de renda da família foram os shows dos Jonas Brothers. Mas tudo valeu a pena depois de conseguirem o contrato com a Disney, e a banda decolou!

4- Foi Nick quem realmente falou de acabar com a banda

Depois de anos juntos, começaram as divergências. Nick sentia que cada um deles estava indo numa direção diferente musicalmente e em geral. Nick e Joe tiveram projetos solo, e Kevin se casou e ganhou seu reality show. Com o fracasso da carreira solo de Joe e a frustração dos irmãos com o realty show de Kevin, tudo se tornou estressante, e Nick disse que não conseguia mais. Kevin e Joe ficaram abalados.

5- Voltar não foi fácil

“O que mais me machucou é que foi Nick quem sugeriu, porque ele era meu melhor amigo. Eu pensei que fossemos eu, Kevin, e Nick contra o mundo, e que tocaríamos juntos pra sempre”, disse Joe no documentário. Nick e Joe ainda tiveram um “reunião” sem Kevin no Jingle Bash, e Kevin relata que isso o feriu muito. Joe também disse que sentia que Kevin estava impedindo a banda de evoluir. Ou seja, muito ressentimento pra pouca banda a esse ponto.

6- …e Nick foi o primeiro a sugerir a volta

Depois de anos investidos em carreiras solos e relacionamentos, Nick foi o primeiro a dizer que sentia falta de tocar com os irmãos. E foi justamente o tempo necessário pra todos amadurecerem e resolverem questões pendentes. Eles passaram um ano trabalhando no novo álbum e voltando a conviver com mais frequência. O resultado? Veremos dia 7, quando sair o novo álbum – embora os singles lançados já mostraram um som bem mais maduro!

7- Sophie Turner ajudou Joe a entender seu irmão, Kevin

Foi depois de se apaixonar por Sophie que Joe entendeu que Kevin tinha outras prioridades além dos Jonas Brothers quando conheceu Danielle, sua namorada e então esposa desde o início da banda.

8- Existe um quarto “Jonas Brother”

SIM! Seu nome é Frankie, e ele deixa bem claro que é o fã número um dos irmãos, e sabe todas as letras!

Seja você um novo fã ou um fã desde When You Look Me In The Eyes, é impossível negar que essa foi uma trajetória e tanto!

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos