Juliano Cazarré, o Ismael da novela Insensato Coração, declarou em entrevista para a revista Contigo!, que chega às bancas nesta quarta-feira (17), que atualmente tem recebido muita cantada de homens. “Não é a minha, mas levo na boa”, comenta.

Ele revela também que não gostaria de ficar rotulado como “gostoso”, “homem objeto” ou “toy boy” exatamente por causa do personagem da trama de Gilberto Braga e Ricardo Linhares que seduz a moralista Eunice, interpretada por Deborah Evelyn. “Nem sempre vou ter de explorar esse sex appeal”, disse o ator à publicação. “Gosto de me manter neutro para assumir personalidades diferentes”.

Se na novela das 21h da TV Globo ele é o tipo sedutor garanhão, Juliano confessa que já foi muito mulherengo, mas sempre foi fiel com suas namoradas. “Tive um momento na solteirice que ficava com várias, mas não tinha um relacionamento. Todo mundo saía ganhando”, diz sorrindo.

Sem mais artigos