A cantora Lady Gaga se diz uma porta-voz de sua geração e apesar de algumas vezes passar longe de traduzir os desejos dos jovens, quando acerta é em cheio. Nesta sexta-feira (17), a cantora postou um vídeo no Youtube pedindo que a política Don’t Ask, Don’t Tell adotada pelo exército americano seja desconsiderada.

De acordo com a atual lei, os militares gays devem esconder sua orientação sexual ou então podem ser expulsos do Exército. Lady Gaga luta pelo fim da “aplicação constitucional incoerente e anticonstitucional desta lei” que fez “os soldados gays tornarem-se alvos”.

“Estou aqui para ser uma voz para a minha geração, não a geração dos senadores que votam, mas para a geração afetada por esta lei, e cujos filhos serão afetados”, explica a cantora.

Os debates sobre a lei serão iniciados na próxima terça-feira (21) e o apelo da cantora é para que os americanos telefonem para os seus senadores e peçam que a lei seja revogada.

“Senadores, quando vocês enviam nossos homens e mulheres à guerra, quando vocês enviam nossas esposas, maridos, filhos e filhas ao combate, vocês vão honrá-los? Vocês apoiarão a suspensão desta lei na terça-feira?”, questiona Lady Gaga, que chama o episódio de “obstrução escandalosa de John McCain“.

Assista abaixo o vídeo completo, em inglês, e veja a galeria de famosos que lutam contra a homofobia clicando aqui.

Fechar X
Sem mais artigos