Ops! Um tweet do ator Caco Ciocler deu o que falar. Na noite de sexta, uma usuária do Twitter publicou que, “em vez de estar na baladinha e/ou festinha junina eu tô aqui transcrevendo filme de Caco Ciocler. Um macho nojento desse.” O ator respondeu na lata e, neste sábado, veio a público explicar a situação.

“Rê (nata) vai pra balada! Não vale a pena trabalhar para assim, contra a vontade! É estranho você aceitar trabalhar para macho nojento. Depõe contra tua integridade. Pode deixar, vou pedir para o meu produtor procurar outra pessoa. Vai se divertir. Obrigado”, replicou Ciocler na rede social. O tweet viralizou, muitas pessoas pediram o emprego e a dona da publicação acabou desativando a conta.

O ator gravou um vídeo explicando a história. “O mais curioso, para não dizer outra coisa”, contou, é que a moça em questão nunca foi contratada para legendar o novo filme dirigido por Ciocler. “Essa pessoa nunca foi minha funcionária, eu não a conheço”, começou.

O artista encontrou o tweet durante uma busca na internet pelo seu nome. Isso ocorreu pois, como afirma no vídeo, suas contas de e-mail e telefone foram hackeadas e ele precisou passar quinta-feira na delegacia. Chegando em casa, foi verificar se o autor do crime havia publicado algo e se deparou com o fatídico tweet.

“Repito, eu não conheço essa pessoa, essa pessoa não me conhece. Ela tem todo o direito de achar o que quiser de mim. Mas a partir do momento que ela posta isso numa coisa pública, eu me senti no direito não só de responder, como dizer, de uma maneira absolutamente educada, como vocês podem ver: não faz sentido você trabalhar assim infeliz, vá para a sua balada, estou acostumado a trabalhar com gente que ama o que faz. Se você me acha um macho nojento e aceita trabalhar, você está depondo quando a sua própria dignidade, então vá, não tem problema nenhum, o meu sócio vai encontrar outra pessoa.”

Caco Ciocler ainda pediu desculpas à dona do tweet: “muito menos tornei isso público, peço desculpas para essa pessoa. Eu vi que ela cancelou a conta do Twitter, eu já estou acostumado com isso, você provavelmente não. Quem tornou isso público foram os sites de fofoca”.

A pessoa responsável pelo tweet não era a profissional que foi realmente contratada pela equipe. “Para piorar, nem era a pessoa que eu achava que fosse”, completou.

Confira o relato completo do ator:

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos