João Gordo, de 49, disse em entrevista ao programa De Frente com Gabi, que deve ir ao ar neste domingo (10), que se arrepende de ter usado tantas drogas. ‘Não sei como estou vivo, é sorte’, disse o músico a Marília Gabriela.

“Um arrependimento que tenho é ter usado muita droga. Usei bastante droga. Minha vida pré-família foi muito louca e cheguei a ir para a UTI. Não sei como estou vivo, é sorte (…) Minha mulher apareceu na minha vida e disse: ‘Preciso falar que amo esse cara antes que ele morra'”, disse o cantor que é casado desde 2004 com Viviana Torrico.

O cantor contou ainda que, antes da fama, chegou a ser demitido de um cargo recepcionista em um flat-hotel em São Paulo: “Fui mandado embora por fumar maconha na garagem”.

Com a Viviana ele tem dois filhos, Victoria e Pietro. “Meus filhos foram um raio na minha cabeça e eu mudei muito. Eu era infeliz antes da minha família”, disse o músico que também contou que é vegetariano há dez anos: “Sou o rei da moqueca de soja”.

Apresentador da MTV de 1996 a 2009, João Gordo falou sobre a emissora. “Achei o final da MTV meio patético, com aquelas comemorações todas. Tudo que tenho foi a MTV que me deu. Fiz uns pilotos, mas me considero muito louco para a TV aberta disse ele.

Fechar X
Sem mais artigos