Charles Manson

Um juiz do condado de Kern, na Califórnia, decidiu nesta segunda, 12, que os restos mortais de Charles Manson ficarão com Jason L. Freeman, alegado neto do serial killer. Jason é filho de Charles Manson Jr., que mudou o seu nome para Jay White para evitar associações com o criminoso e se suicidou em 1993.

Manson faleceu no dia 19 de novembro de 2017, aos 83 anos. O seu corpo foi disputado pelo neto, por Michael Channels, homem que alega ter se correspondido por cartas com Manson nos últimos 20 anos e ter um testamento do serial killer, e por Michael Brunner, filho de Mary Brunner, uma integrante da Família Manson. Ele afirma que o criminoso era seu pai.

Freeman afirma ter se aproximado do avô nos últimos anos, em conversas pelo telefone. Agora, ele quer fazer um funeral privado e cremar Mason. O neto disse que Manson era uma pessoa “gentil, de grande coração” e que o falecido afirmava não ter matado ninguém, especialmente Sharon Tate, grávida à época do assassinato.

Então tá, né.

Fechar X
Sem mais artigos