Britney Spears é sempre notícia por causa de suas músicas, shows e, às vezes, uma ou outra polêmica. Mas desta vez, a cantora virou assunto por um posicionamento político diante da pandemia de coronavírus. Em post no Instagram, ela pediu, entre outras coisas, “redistribuição de riquezas e greve geral” nos EUA.

A popstar compartilhou um pequeno texto do autor Mimi Zhu. Em determinado trecho, ele pede: “Nós vamos alimentar uns aos outros, redistribuir a riqueza, fazer greve. Nós vamos entender a importância dos lugares em que devemos permanecer. Comunhão se move além das barreiras. Nós ainda podemos estar juntos”.

Na outra parte do texto, ela fala sobre nossas relações uns com os outros à distância por causa do coronavírus. “Durante esse período de isolamento, precisamos mais de conexão do que nunca. Ligue para quem você gosta, escreva cartas de amor. Tecnologias de comunicação virtual e transmissões fazem parte da colaboração da comunidade. Vamos aprender a nos beijar e nos abraçar através das ondas da internet”.

Não demorou para que seus seguidores logo a apelidassem de “rainha da comunhão e comunismo” ou até mesmo “rainha da redistribuição de riquezas”.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Communion goes beyond walls 🌹🌹🌹

Uma publicação compartilhada por Britney Spears (@britneyspears) em

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos