A cantora Rihanna enfrenta uma batalha no tribunal contra seu pai, o empresário de entretenimento Ronald Fenty. Os dois brigam pelo direito de usar o sobrenome da família nos negócios.

Rihanna lançou recentemente uma grife de luxo batizada de Fenty e, em 2017, já havia divulgado no mercado a Fenty Beauty, marca de maquiagens e produtos de beleza. O pai junto a um sócio também tem uma empresa de entretenimento com o mesmo nome. Segundo o site Insider, os dois se enfrentarão no tribunal em junho do ano que vem.

O pai e Rihanna têm um histórico de relação conturbada. A cantora disse em entrevista há 10 anos, quando falou pela primeira vez sobre os ataques que sofreu do ex-namorado, o cantor Chris Brown, que Ronald Fenty era violento com sua mãe. “Violência doméstica é algo que as pessoas não querem que os outros saibam, então você esconde em casa. Eu sempre disse a mim mesma que nunca iria sair com alguém como meu pai”, comentou a cantora na ocasião. Na época, Chris Brown foi condenado por dar socos, chutes e mordidas na cantora durante uma briga do ex-casal no carro quando voltavam de uma festa.

Em 2011, Rihanna também acusou o pai de usar sua identidade para agendar shows falsos da filha e lucrar milhões enganando empresários com isso. “Meu pai disse várias mentiras para a imprensa”, comentou em entrevista à revista Vogue.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos