A cantora e compositora Beth Carvalho morreu na tarde de hoje (30), aos 72 anos, no Rio de Janeiro. A causa da morte não foi divulgada, mas a artista estava internada no Hospital Pró-Cardíaco desde janeiro.

Nas redes sociais de Beth, a equipe anunciou que a cantora faleceu às 17h33, “cercada do amor de seus familiares e amigos.” Ao agradecer o apoio dos fãs, afirmou que em breve divulgará informações sobre o sepultamento. “Hoje vai ter roda de samba no céu”, “silêncio, o (a) sambista está dormindo, ele (a) foi, mas foi sorrindo”, “nossa eterna madrinha”, emocionaram-se alguns seguidores nos comentários.

Beth Carvalho, também conhecida como ‘Madrinha do Samba’, gravou seu primeiro compacto simples em 1965, com a música ‘Por Quem Morreu de Amor”. Foi já em 1968 que ficou conhecida em todo o país com ‘Andança’, canção que nomeou seu primeiro LP, de 1969.

Ela é a responsável por revelar diversos artistas, como Zeca Pagodinho, Jorge Aragão, Fundo de Quintal e Arlindo Cruz, ganhando também o apelido de ‘Madrinha do Pagode’.

Com mais de 50 anos de carreira, a mangueirense já concorreu diversas vezes no Grammy Latino. Em 2009, tornou-se a primeira sambista a ser homenageada com o prêmio ‘Lifetime Achievement Awards’ e em 2012 levou a estatueta na categoria Melhor Álbum de Samba/Pagode, com o ‘Nosso Samba Tá na Rua’.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos