Há um ano, o Facebook reformulou o feed de notícias para criar vínculos mais humanitários entre as pessoas. Entretanto, uma pesquisa da empresa de monitoramento de mídias sociais NewsWhip mostrou que os usuários estão mais irritados e divididos do que antes.

O estudo afirma que política foi o assunto que mais rendeu comentários na rede, alcançando a marca de 36% em todo o mundo. Outros temas como aborto e religião também estão entre os primeiros colocados. A NewsWhip também mostrou que o emoji “raiva” foi mais utilizado do que em anos anteriores.

O link mais difundido, segundo o instituto, foi uma notícia falsa de que havia um traficante de crianças no Texas, nos EUA. A fake news foi espalhada por diversos locais no país, levando medo às pessoas e também um número maior de compartilhamentos.

Os dados vão contra os planejados pelo Facebook após a mudança de algoritmos feita pela empresa em janeiro do ano passado. A rede social passou a priorizar mais postagens de amigos e familiares no feed das pessoas ao invés de conteúdos de mídia e outras empresas.

Na época, o CEO Mark Zuckerberg afirmou esperar que as mudanças levassem os usuários do Facebook a “verem momentos pessoais que nos levam a nos conectar mais uns com os outros”.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos