O tubarão-raposa, uma espécie em extinção, encontrou refúgio na remota ilha filipina de Malapascua. Nessa região, eles estão a salvo dos pescadores que caçam os animais para vender suas caudas e carne aos restaurantes chineses.

Simon Oliver é o fundador do projeto Conservação do Tubarão-raposa das Filipinas, ele se encarrega de fomentar a preservação e observar o comportamento do animal nessa reserva.

Oliver e sua equipe de voluntários conseguiram que todos os operadores de mergulho exijam que os seus clientes cumpram as normas para não perturbar os tubarões.

Essa espécie vive nas águas tropicais dos oceanos, mas sua extrema timidez e hábito de se alimentar longe do litoral faz com que seja quase impossível que os tubarões-raposa possam ser observados com facilidade. Por isso, quem visita Malapascua tem uma oportunidade quase única de admirar esses animais em mar aberto.

Fechar X
Sem mais artigos