O Milan reiterou nesta sexta-feira em comunicado oficial que Ronaldinho Gaúcho e Thiago Silva são “absolutamente intransferíveis”, e garantiu a presença dos dois brasileiros na equipe para a temporada 2010/2011.

O meia-atacante é cobiçado por clubes como Palmeiras, Flamengo e Los Angeles Galaxy, enquanto o zagueiro despertou o interesse do Real Madrid, segundo a imprensa espanhola.

Recentemente, o dono do Milan, o primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi, afirmou que Ronaldinho chegou a um acordo no último dia 27 para permanecer no clube até o fim da próxima temporada.

O jornal “Gazzetta dello Sport”, no entanto, publica hoje que o Milan não dará uma resposta final ao Galaxy antes do dia 15 de agosto, data limite imposta pela equipe da liga americana para o fim das negociações.

Ainda de acordo com o diário esportivo, caso o time italiano aceite a proposta, o nome mais cotado para substituir Ronaldinho seria o de Robinho. O atacante, cujos direitos federativos pertencem ao Manchester City, seria uma boa opção por receber salário inferior e deixaria um posto de jogador extracomunitário livre, por “ter passaporte espanhol”.

Em relação a Thiago, o próprio jogador manifestou no último dia 3 sua vontade de ficar no Milan até o fim de seu contrato, em 2014.

Fechar X
Sem mais artigos