Pesquisadores da Universidade Southwest Jiaotong anunciaram que a China pode construir um trem de passageiros que viaja a 1.000 km/h. O trem de levitação magnética estaria pronto em dois ou três anos.

Os trens de levitação magnética já são utilizados e testados em vários lugares do mundo. No Japão um dos protótipos chegou em um máximo de 500 km/h. O truque do projeto chinês é utilizar comboios menores e enfiar o trem dentro de um túnel a vácuo. Assim o atrito com os trilhos não vai existir porque é magnético, e o atrito com o ar também não, porque é vácuo.

Eficiente, gasta pouca energia, é muito rápido e ecológico. O único problema é o preço: só o túnel custaria entre “10 e 20 milhões de yuans (R$ 5 milhões) a mais do que o sistema atual por quilômetro”, reportou o EastDay.

Fechar X
Sem mais artigos