Você já ouviu falar em anorexia, não é? Normalmente, nós dizemos que aquelas meninas muito magras são anoréxicas, mas, na verdade, o que caracteriza a doença é a perda de apetite. Pois é, só que o problema não é exclusivo das mulheres. Um entre dez pacientes é homem, e esse número tem aumentado.

Os homens que sofrem com anorexia têm os mesmos problemas e sintomas que as mulheres. “Alguns dos sintomas são distorção da imagem corporal e a relação de magreza com sucesso”, é o que diz o dr. Raphael Cangelli, psicólogo, coordenador do grupo de transtornos alimentares em homens do Instituto de psiquiatria do Hospital das Clínicas. Entretanto, existe um mito que diz que os homens têm perda de apetite sexual. Mas, o médico explica que não é verdade. O que há, de fato, é uma diminuição da libido.

A anorexia pode ter diversas causas. “As causas podem ser multideterminadas. Podem ser culturais, sociais ou biológicas”, explica o psicólogo. Há estudos que dizem que a doença pode ter causas genéticas. Os gêmeos monozigóticos (formação genética idêntica) têm maior probabilidade de desenvolver a anorexia, enquanto os dizigóticos (compartilham 50% da carga hereditária) tem menor chance. Ainda segundo estudos, em parentes de 1° grau de pessoas que têm anorexia, a probabilidade de ter anorexia também é maior.

Existe também a anorexia nervosa. O problema é, basicamente, o mesmo. Mas, este tipo não é simplesmente a falta de apetite, mas a limitação em ingerir comida e o medo de engordar.

Portanto, tome cuidado com a falta de apetite constante. “A incidência de anorexia masculina em jovens e adolescentes é grande”, afirma o dr. Raphael Cangelli. Se você começar a sentir qualquer um dos sintomas, não hesite, procure logo um médico. Lembre-se: a anorexia pode matar e tem cura!

Fechar X
Sem mais artigos