O tesouro de Fenn foi avaliado em quase R$ 5 milhões

Uma quantidade significativa de ouro e pedras preciosas. Foi o que se viu ao abrir um baú de um tesouro avaliado em R$ 5 milhões nos Estados Unidos. A relíquia havia sido escondida pelo colecionador norte-americano Forrest Fenn.

E quem divulgou a notícia do fim da caça foi o próprio Fenn, em suas redes sociais. Ele deixou várias pistas sobre o paradeiro do tesouro em seu livro de poesias, lançado em 2010. Desde então, milhares de pessoas partiram em busca da riqueza. Cinco aventureiros chegaram a morrer.

O ouro e as várias pedras preciosas foram encontrados nas Montanha Rochosas que se estendiam desde o Estado do Novo México até a Columbia Britânica, no Canadá, a mais de 1.500 metros de altitude.

Forrest Fenn preferiu não revelar o nome da pessoa que encontrou o baú e nem a localização exata do objeto. “Estava sob um dossel de estrelas na exuberante vegetação florestal das Montanhas Rochosas e não havia se mudado do local onde eu a escondi há mais de dez anos”, disse o milionário.

Fechar X
Sem mais artigos