Reprodução/Weibo

Na China, duas crianças passaram por um grande aperto ao quebrarem uma réplica do Castelo da Cinderela, estimado em R$ 327 mil reais, exposto no Museu do Vidro de Xangai.

A dupla estava brincando de pega pega e ultrapassou a barreira de segurança que fica em volta das obras. Elas acabaram trombando com o display e derrubando parte do castelo, segundo o site Mirror Online.

Foram danificadas a torre principal e outras partes do castelo. O museu não informou o custo do prejuízo.

Reprodução/Weibo

O item foi dado em 2016 pelo espanhol Manuel Arribas como um presente pelo aniversário de 5 anos do museu. A escultura é uma réplica de vidro do Castelo da Cinderela que fica no Walt Disney World, em Orlando (EUA).

De acordo com o artista, a obra levou 500 horas para ficar pronta. Além do vidro, ouro de 24 quilates foi empregado para moldar os pináculos.

O museu anunciou apenas neste mês que a atração havia sido quebrada no dia 30 de Maio e pediu desculpas aos visitantes que, por enquanto, não poderão ver a obra integral.

A equipe chegou a contatar os artistas para a reparação dos danos, no entanto, Arribas está impossibilitado de viajar para a China em decorrência da pandemia do coronavírus.

De acordo a publicação do museu na rede social chinesa Weibo, as crianças, acompanhadas dos pais, procuraram imediatamente os profissionais do local para reportarem o acidente. “Eles foram amigáveis e sinceros, e se mostraram disponíveis para ajudarem”, contaram.

Fechar X
Sem mais artigos