Um gatinho de Houston, no Texas, foi ‘sentenciado’ à solitária por ajudar seus parceiros a escaparem.  Seus ‘crimes’ hilários dentro de um abrigo animal o tornaram uma estrela nas redes sociais.

Quilty é um dos moradores da organização em prol dos animais Friends For Life. Contudo, tem dado trabalho à equipe por ser um ninja quando o assunto é abrir portas. Em sua ficha criminal, publicada no Facebook, consta que ele “ama deixar os gatos escaparem da sala dos animais mais velhos. Repetidamente. Várias vezes por dia”, e tem a habilidade de escapulir de seu cômodo sem ser visto pela staff.

“Nós fizemos uma sala ‘anti-Quinty’ enquanto ele estava no saguão. Seus colegas de quarto sentiram sua falta durante o tempo que ele estava banido no saguão”, brincou a organização na rede social. “Eles gostavam de suas escapadas noturnas pelo abrigo. No entanto, a equipe não sente falta de ver gatos disputando entre si de manhã”, relataram.

Quilty não aprendeu a abrir portas no abrigo: ele costumava deixar o cão de seu antigo lar entrar na casa quando ninguém estava vendo.

Ao verem as fotos hilárias do gatinho sofrendo na ‘solitária’, a sala ‘anti-Quinty’, os usuários começaram uma campanha de brincadeira: “Libertem o Quilty”. Mas o felino não precisa dos membros da organização, ele mesmo se libera.

“Update: o conselho de liberdade condicional negou a soltura de Quilty, então ele mesmo se liberou hoje. Ele sentiu que o confinamento não tinha mais nada para oferecer. Ele foi levado de volta à solitária”, informou a equipe.

As aventuras ficaram tão populares na página do Facebook, atingindo 6,6 mil compartilhamentos e quase 9 mil curtidas, até o momento, que o felino ganhou sua própria conta no Instagram: @free_quilty. Agora, ele só está à espera de um lar definitivo para criar novas fugas mirabolantes. “Venham visitá-lo. E levem para casa. Por favor…”, insistiu a organização.

Fechar X
Sem mais artigos