Paciente que recebeu cerveja

Médicos fizeram uma “transfusão” de cinco litros de cerveja direto no estômago de um paciente no Vietnã em uma tentativa desesperada de salvar sua vida enquanto ele estava inconsciente em sua cama de hospital.

Nguyen Van Nhat estava em risco de morrer de envenenamento por álcool quando os médicos decidiram encher seu estômago com 15 latas de cerveja.

Médicos bombearam uma lata de cerveja a cada hora até que Nguyen ficar completamente consciente em um hospital na província central vietnamita de Quang Tri.

O médico Le Van Lam, chefe da unidade de tratamento intensivo do Hospital Geral, disse à mídia local que o nível de metanol no sangue do paciente era 1.119 vezes maior do que o limite apropriado.

Para salvar sua vida, os médicos imediatamente transfundiram três latas (um litro) de cerveja para retardar o processamento de metanol do fígado.

Segundo Lam, uma lata de cerveja era dada ao sr. Nguyen a cada hora e, depois de administradas 15 latas, o paciente estava completamente consciente.

O médico explicou que o estômago e os intestinos de uma pessoa continuam a liberar álcool na corrente sanguínea, mesmo se estiverem inconscientes ou tiverem parado de beber e por um período os níveis de álcool no corpo continuam a subir.

Lam disse que o álcool vem em duas variantes, metanol e etanol, e o fígado humano decompõe o etanol como prioridade.

Nguyen ficou inconsciente quando o metanol em seu sistema oxidou a formaldeído, que por sua vez produziu ácido fórmico, segundo relatos.

Para evitar a oxidação do formaldeído em ácido fórmico, dar cerveja ao paciente envenenado com metanol deu aos médicos tempo suficiente para realizar a diálise. O homem passa bem.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos