Um homem nos EUA encontrou em um brinquedo o amor de sua vida. Joey Morris, de 29 anos, disse que “namora” há dois anos com um robô e revela que pretende se casar com o objeto.

O artista plástico, que mora em Taneytown, em Maryland, afirmou que viu o seu RoboTroll pela primeira vez no site de compras eBay, e que o adquiriu por US$ 20 (R$ 78). “Eu acho que foi a expressão dele que me atraiu. Enquanto a maioria dos outros BattleTrollz rosnava, o RoboTroll parecia ter um sorriso satisfeito. Seus olhos azuis combinavam com seu esquema de cores prateado e azul e faziam seu cabelo rosa ficar mais chamativo. Eu sabia que era amor com ele porque fazia meu coração se sentir bem”, disse em entrevista ao tabloide Daily Mirror.

Joey, que afirmou se sentir atraído por objetos como lâmpadas e estátuas desde os 10 anos, pretende fazer uma viagem para o estado da Flórida com o seu robô, e planeja se casar com ele em um futuro próximo.

Mesmo se sentindo feliz com seu amor por objetos, Joey diz que sofre preconceitos por considerar sua relação com o brinquedo um namoro. “Eu tenho muita sorte porque meus amigos e alguns membros da minha família aceitam minha sexualidade – e mesmo que façam comentários de brincadeira sobre isso, eles me apoiam. Minha mãe não entende meus sentimentos, mas aceita isso.”

“Algumas pessoas não concordaram com isso e já disseram que minha preferência é uma doença mental e algumas até a compararam à bestialidade. Eu tento ignorar essas pessoas e me distancio delas, já que estou feliz no meu relacionamento com o RoboTroll. Acho mais fácil formar laços românticos com objetos do que com pessoas, por isso estou feliz com a minha sexualidade” finalizou.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos