Um vídeo com imagens fortes registrou o momento em que dois irmãos são obrigados a pular de uma altura de 10 metros de altura para escaparem das chamas e fumaça de seu apartamento. Eles foram salvos por moradores vizinhos, que se uniram para pegá-los.

O incêndio ocorreu em Grenoble, na França, na última terça-feira (21).

A criança mais nova, de três anos, foi a primeira a ser resgatada. Seu irmão a pendurou no parapeito da janela e aguardou o momento certo para soltá-la. O grupo de civis estava organizado na parte de baixo do edifício para conseguir pegá-la. O plano funcionou e assim conseguiram salvar também o menino de 10 anos, que se jogou do terceiro andar.

De acordo com o jornal Metro UK, os irmãos não sofreram nenhum ferimento com a queda, mas foram levados ao hospital em decorrência da inalação de fumaça. Outros 17 residentes também foram hospitalizados.

Quatro pessoas que participaram do resgate passaram por avaliação médica para ver se houve alguma fratura no momento da queda. Um deles foi o estudante de 25 anos Athoumani Walid, que quebrou um pulso durante o salvamento.

Ele contou ao veículo que ouviu gritos e ao ver o fogo no apartamento vizinho, correu para ajudar os residentes, juntamente com outras quatro ou cinco pessoas.

“Nós não sabíamos o que fazer… Queríamos quebrar a porta, mas era impossível”, relembra.

O grupo se dirigiu para a área exterior e pediu para os irmãos pularem, assegurando que os pegariam. Apesar do temor inicial, ele afirma que “assim que pularam, o medo desapareceu”. “A única coisa que importava era pegá-los”.

O estudante espera que o resgate ajude a mudar a percepção do bairro Villeneuve, onde o acidente ocorreu. A área é majoritariamente composta por imigrantes e vista como um local de risco.

O resgate foi gravado por uma testemunha, mas contém imagens que podem ser fortes para alguns leitores:

Fechar X
Sem mais artigos