Fechar X

Dar uma passadinha no barbeiro para cortar os cabelos e, claro, fazer a barba é algo que as novas gerações já estão deixando de fazer (com as maquininhas elétricas de corte, muita gente prefere fazer o serviço em casa, não é mesmo). Na China, além do cuidado com os pelos, os barbeiros também costumavam aplicar a limpeza do globo ocular, feita (pasmem!) com uma afiada lâmina. No entanto, o ofício está morrendo.

Cada vez menos clientes procuram os especialistas na arte de “limpar os olhos para tornar a beleza da vida mais visível”, como diz um ditado local. O tratamento funciona da seguinte forma: com os olhos bem abertos, o barbeiro passa a lâmina sobre a superfície ocular, em seguida é inserida uma haste sob as pálpebras superiores e inferiores, que faz uma espécie de raspagem na parte interna, por baixo da pele.

Um dos especialistas na técnica, segundo o “Daily Mail”, é o senhor Deyuan, que mantém a tradição viva e oferece seus serviços por cerca de R$ 1,50, há sete anos,  em um parque da cidade de Chengdu, província de Sichuan. 

Fechar X
Sem mais artigos