Uma mulher chinesa está sendo acusada de agressão depois de ter sido filmada chutando sua filha de 3 anos durante a gravação de um comercial. Nas imagens, a menina segura uma bolsa enquanto posa, mas a mãe fica insatisfeita e, nervosa, chuta as pernas da criança pelas costas.

Segundo o site Daily Mail, a menina é Niu Niu e trabalha como modelo há seis meses. O vídeo se tornou viral e teve mais de 360 milhões de visualizações no Weibo, rede que funciona como o Twitter na China. Além disso, um grupo de pessoas iniciou uma discussão em uma página batizada de ‘a pessoa que chuta a modelo infantil durante sessão de fotos é sua mãe’.

“A pobre criança é usada pelos pais para ganhar dinheiro e ainda tem que aguentar violência”, diz um dos comentários deixado na página. Uma marca de roupas infantil, Sweet Grandpa Baby, que já trabalhou com a modelo, condenou a atitude publicamente: “só percebemos hoje que a mãe de Niu Niu é tão pouco amorosa. Isto é enfurecedor”, comentou.

Várias outras empresas excluíram de seus catálogos e redes sociais as imagens da menina como forma de protesto. Sem se identificar, a mãe da menina usou o Weibo para se desculpar publicamente. A mulher agradeceu os conselhos recebidos, mas negou que tenha sido abusiva com a filha. Disse que não queria machucá-la e pediu que as pessoas a perdoassem.

Em entrevista, completou: “eu amo minha filha, mas nenhum pai pode dizer que nunca bateu nos filhos. Eu raramente bato em minha filha”. O episódio levantou ainda protesto entre advogados que exigem a criação de uma lei no país que regulamente trabalhos infantis deste tipo.

Niu Niu tem 3 anos

Fechar X
Fechar X