Mais de 145 baleias foram encontradas mortas em praia remota ao sul da Nova Zelândia. Um homem que fazia escalada na região foi quem identificou os animais e avisou às autoridades, no último fim de semana.

Segundo o site Daily Mail, metade das baleias ainda estava viva quando os especialistas chegaram. A outra metade foi sacrificada. “As chances delas serem salvas e recolocadas no mar eram muito baixas. A localização remota, a falta de pessoal próximo e a condição em que elas se encontravam influenciaram a decisão”, explicou Ren Leppens, gerente de operações do Departamento de Conservação.

Ele disse ainda que, todo ano, ao menos 85 baleias são encontradas mortas na região. Mas, este caso de um grupo tão grande é um fenômeno raro. Erros de navegação, intoxicação, navios pesqueiros, influência do som emitido por navios militares e até suicídio em massa são as causas mais estudadas em relação às mortes destes mamíferos. Neste caso, os estudiosos não sabem qual foi o real motivo.

Fechar X