Fechar X

A fotógrafa Tamara Abdul Hadi retratou uma maneira inusitada – e um pouco macabra – com que os egípcios lidam com a superpopulação e o problema da moradia urbana: as favelas construídas dentro de cemitérios.

Para mostrar esse ambiente, Tamara acompanhou o cotidiano da família Abdel Lateef, que mora há mais de 60 anos no cemitério de Bab el Nasr.

Bab el Nasr forma, junto a outros quatro cemitérios, um complexo de favelas onde moram mais de 500 mil pessoas. A região é conhecida pelo nome nada amistoso de Cidade dos Mortos

Fechar X
Sem mais artigos