Reprodução/Twitter/Susanta Nanda

Um morador do vilarejo Sujanpur, localizado na cidade indiana de Balasore, teve uma raríssima visão no último domingo (19). Ele encontrou uma tartaruga amarela enquanto trabalhava no campo.

O responsável pela descoberta foi Basudev Mahapatra. Ele levou o animal para a guarda florestal, que o entregou para o diretor executivo da Associação pela Conservação da Biodiversidade, Siddhartha Pati, que ficou impressionado com o achado. O direto contou à rede de notícias CNN que nunca tinha visto uma tartaruga parecida.

A coloração diferenciada, no entanto, não sinaliza uma nova espécia e sim uma condição genética. Pati explicou que a cor amarela é fruto do albinismo.

O animal “diferentão” é da espécie flapshell indiana, encontrada em águas doces, e já é adulto. Os pesquisadores avaliam que tenha entre um ano e meio e dois.

Esta é a primeira vez que uma tartaruga albina é encontrada no estado de Odisha e a segunda vez que é vista na Índia, afirmou Pati. A pequena foi solta na natureza.

Fechar X
Sem mais artigos