Ela passou décadas cobrindo a perna com varizes

Reprodução Ela passou décadas cobrindo a perna com varizes

Uma mulher teve que esconder as “pernas feiras” por 14 anos e enfrentou diversos preconceitos ao longo da adolescência. Mas a haitiana Berlange Presilus, aos 28 anos, conseguiu vencer o preconceito e construir uma carreira de modelo bem sucedida. Berlange tem uma mancha escura e varizes na perna direita devido a uma doença rara, conhecida como Síndrome de Klippel Trenaunay. As informações são do Daily Mail.  

Quando criança, Berlange foi ridicularizada por pessoas que diziam que a perna dela parecia “estar morrendo”. Os ataques fizeram a modelo usar apenas calças e saias longas para cobrir a perna. Mas o tempo passou e ela começou a fazer campanhas para empresas como Samsung, Mac e Johnnie Walker. Berlange fez ensaio mostrando a perna com varizes e acredita que seu trabalho é uma forma de encorajar o respeito pela diversidade. “Eu me sinto ótima. Descobri que tenho mágica e agora ninguém pode me deter”, disse ela ao Daily Mail.

 

Fechar X
Sem mais artigos