Durante a quarentena, muitas pessoas têm de preocupado com o peso e a barriguinha saliente. Mas nesta quinta-feira (23), Rafa Brites reconfortou seus seguidores e os relembrou que “tá tudo bem”: “ser sarada é saber amar o próprio corpo”.

A comunicadora publicou no Instagram diversas fotos em que aparece de lingerie e mostrando, com orgulho, as dobras de sua barriga – parte do corpo que muitas pessoas tendem a esconder .

“Sarada! É assim que você deve se sentir. Com quilos a mais, com quilos a menos. Com a barriga trincada ou bem molinha”, afirmou Rafa, inspirando os seguidores.

Em sua opinião, “ser sarada é estar curada da pressão social que nós mulheres sofremos por estarmos em um padrão”. Rafa reforçou que é possível “malhar todos os dias da quarentena ou apenas se afundar no sofá”, ambas as opções estão corretas: “ninguém tem nada a ver com isso”.

“Você pode amar suas celulites ou combatê-las com injeções. Malhar todos os dias da quarentena ou apenas se afundar no sofá… Tudo bem! Pode fazer o que quiser com seu corpo. Tomar um whey ou um milkshake de chocolate… Ninguém tem nada a ver com isso. Pode ser como eu que um mês tô na salada, no outro no cheeseburger… Às vezes tô virada no Jiraya da malhação, às vezes me dá raiva só de passar em frente a uma academia e ver o povo lá dentro”, relatou em seu texto.

“Ser sarada é saber amar o próprio corpo. É não se violentar, ser carinhosa com as palavras que usa quando se refere a ele. E entender que ele está a serviço da nossa existência aqui e não ao contrário. Olhar pra essa e qualquer foto e não se comparar. É ter saúde, e isso inclui a mental. Engorde, emagreça, afrouxe, endureça. Mude ou permaneça.Enquanto tudo isso for algo leve você estará Sarada”, Rafa completou.

Outras seguidoras elogiaram a ação e agradeceram pelo post: “obrigada por isso”, “amei, tô assim em casa: um dia malho, outro não, mas tá tudo bem. Vida que segue! Até o fim da quarentena dá para ser várias versões”, “tão feliz de ver isso! Me sinto normal”.

Fechar X
Sem mais artigos