Foto: reprodução/ Instagram @willdantas)

Se o show que Ozzy Osbourne fez nesta noite de domingo, 13, em São Paulo será mesmo o último dele na cidade, só o tempo nos dirá a verdade, pois ao que foi divulgado a No More Tours 2 é a última de sua carreira. Depois o Madman irá se aposentar. Mas, a questão é: será que ele vai conseguir ficar longe dos palcos?

Na dúvida, os 40 mil fãs preferiram lotar o Allianz Parque para dar o ‘adeus’ ao cantor de 69 anos, pois vai que ele resolve não voltar mais. O arrependimento dos roqueiros iria ser grande.

O Príncipe das Trevas veio acompanhado de uma potente banda, com Blasko no baixo, Tommy Clufetos na bateria, Adam Wakeman nos teclados e o braço direito Zakk Wylde esmerilhando na guitarra. O show foi burocrático como sempre, sem margem para improvisos e até erros. As falas do cantor com o público são as mesmas de turnês anteriores e o repertório não muda, focando sempre em seus maiores hits. Mas, não é exatamente isso o que os fãs querem? Então está tudo bem.

(Foto: reprodução/ Instagram @renatofernandesgon)

O set contou com 14 músicas, entre elas Bark at The Moon, Mr. Crowley, No More Tears, I Don’t Know, Suicide Solution, Shot in The Dark, Mama I’m Coming Home e Crazy Train. Sucessos do Black Sabbath também não poderiam ficar de fora e foram executados Fairies Wear Boots, War Pigs e Paranoid que encerrou a apresentação, do jeito que manda o roteiro tão conhecido pelos fãs.

Ozzy ao vivo é aquele show sem spoiler, sem qualquer surpresa. O público já vai sabendo o que vai assistir e é por isso que sempre retorna com tanta firmeza. A satisfação é garantida, o dinheiro é bem gasto. Sem contar que não é sempre que há a possibilidade de ver uma lenda viva do rock em ação. Só esperamos que não seja a última vez mesmo.

A turnê brasileira da No More Tours 2 ainda passa por Curitiba no dia 16, por Belo Horizonte dia 18 e finaliza dia 20 no Rio de Janeiro.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos