A cantora de k-pop Goo Hara, ex-integrante do grupo Kara, foi encontrada morta em sua casa, em Seul, na Coreia do Sul, neste domingo (24). A artista tinha 28 anos.

A causa da morte ainda está sendo investigada, mas um possível suicídio não foi descartado, segundo informou a revista Variety. Em Março deste ano, Hara havia tentado se matar após ser chantageada por um ex-namorado, que ameaçou vazar um vídeo com cenas íntimas da artista. Em meio ao caso, a empresa que a agenciava preferiu terminar seu contrato.

Em Junho, a artista foi contrata pela agência japonesa Ogi e lançou um single no dia 13 de Novembro.

Ela era amiga próxima da cantora e atriz Sulli, que se suicidou em Outubro. Na ocasião, Hara comunicou os fãs durante uma transmissão no Instagram que estava bem e continuaria a trabalhar duro.

Seu último post na rede social foi no dia 22 de Novembro, quando publicou uma selfie e desejou aos seguidores uma boa noite.

Hara fez parte do quinteto Kara de 2008 a 2015. Após iniciar a carreira solo, também participou de inúmeros filmes e programas de televisão.

Fechar X
Sem mais artigos