Fechar X

O cantor norte-americano Lou Reed (Nova York, 1942) se sente “uma vitória da medicina, da física e da química modernas”, depois do transplante de fígado a que foi submetido em maio em um hospital de Cleveland, em Ohio: “estou maior e mais forte que nunca”, declara.

Reed afirma em seu site oficial que sua “paixão” e “dedicação” ao tratamento oriental tai chi durante os últimos 30 anos permitiram uma recuperação satisfatória.

O músico sofria uma deficiência hepática cada vez mais agressiva e decidiu recorrer a uma delicada cirurgia em maio que representava riscos até semana passada.

Venerado nos círculos musicais graças a seu Walk on the Wild Side e à fundação do grupo The Velvet Underground, o artista publicou em seu site que espera voltar em breve a escrever canções que toquem ” o espírito e os corações” de seus fãs. 

Fechar X
Sem mais artigos