Niall Horan em São Paulo, em foto de Marta Ayora

As directioners baixaram em peso no show de Niall Horan em São Paulo na noite desta terça (10), no Espaço das Américas.

Após competente show de abertura da cantora Maren Morris, o astro irlandês iniciou a apresentação com On The Loose.

“Não consigo imaginar nenhum outro lugar no planeta que eu gostaria de estar além de São Paulo”, deu as boas vindas e foi recebido com gritaria.

Entre os destaques: This Town, Flicker, Too Much Too Ask. O irlandês tocou ainda duas One Direction: Drag Me Down e Fool’s Gold. Crying in the Club, de Camila Cabello foi outro ponto alto.

Tocando violão, guitarra e piano, sempre solto e feliz no palco, Niall lembra Paul Mccartney. Quando se pensava que o One Direction deixaria um vazio, o que descobrimos é que a banda desencadeou em carreiras solos bastante sólidas.

Niall também fez show no Rio, domingo, e a mesma atmosfera de histeria se manifestou. Cada época tem seus ídolos e os rapazes que emergiram do One Direction são os que estão no topo atualmente.

Em uma noite fria, o Espaço das Américas era o lugar mais quente da cidade.

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos