Os fãs de Roberto Carlos terão que esperar mais um pouco para ouvir o CD de músicas inéditas do Rei e se contentar, pelo menos até o Natal, com um disco ao vivo.

O lançamento do aguardado álbum, previsto para as próximas semanas, foi cancelado pelo próprio cantor, conhecido por suas superstições e perfeccionismo. Segundo fontes ligadas ao músico, o disco já estava pronto e Roberto Carlos resolveu reexaminar o material.

Para não quebrar o hábito natalino, já que o cantor é um dos campeões de venda do final do ano, a gravadora Sony vai correr contra o tempo para fabricar um CD alternativo.

Trata-se de uma reprodução do registro do show realizado no Rio de Janeiro em 18 de novembro, no Aterro do Flamengo, em homenagem aos 90 anos do Bondinho do Pão de Açúcar.

De acordo com o escritório de Roberto Carlos, além das músicas cantadas na apresentação feita para mais de cem mil pessoas, o disco ao vivo deverá incluir três faixas bônus.

Uma delas é o remix de “Se Você Pensa”, e as duas outras, feitas em parceria com Erasmo Carlos, é a canção “Cadillac”, um blues-resposta ao clássico “Calhambeque”, e um rap, “Seres Humanos”.

Entre as músicas do show gravado ao vivo, estão “Emoções”, “Detalhes”, “Eu te amo tanto” e “As curvas da estrada de Santos”.

A gravadora não se arrisca a apontar uma nova data para o lançamento do CD de inéditas do Rei, já que a decisão depende unicamente dele.

No ano passado, a Sony enfrentou problemas para lançar o CD “Acústico MTV”, quando a Rede Globo e a MTV brigavam na justiça pelos direitos de imagem.

Devido a urgência do lançamento, a capa do álbum ao vivo não terá fotos de Luiz Garrido, o fotógrafo oficial dos discos do Rei. A produção pediu aos fotógrafos que cobriram o show no Rio de Janeiro para enviarem suas melhores fotos para que o próprio cantor selecione as imagens.

ESPECIAL DA GLOBO

Com relação ao especial de fim de ano da TV, até agora não há nenhuma alteração nos planos. Segundo a Central Globo de Comunicação, a gravação está mantida para a próxima terça-feira, no Via Funchal, em São Paulo, e a exibição no dia 17.

Dividido em três partes, a abertura será feita pela orquestra que acompanha o cantor. Na sequência, a apresentação se torna acústica e Roberto Carlos, sozinho, toca no violão sucessos como “Por isso eu Corro Demais”, “As Curvas da Estrada de Santos”, “Parei na Contramão”, “Detalhes”, “Todos Estão Surdos” e “É Preciso Saber Viver”.

Na terceira parte, os músicos da banda voltam ao palco para tocar “Proposta”, “Luz Divina”, “Amor Sem Limite” e outras canções.

Segundo a emissora, caberá à produção do especial a opção de utilizar as cenas do show no Rio, já que todo o espetáculo foi registrado pela equipe da Rede Globo.

Fechar X
Sem mais artigos