Foto: Diego Padilha

O show do Foo Fighters, apesar de já ter passado por turnê no Brasil, era um dos mais esperados do Rock in Rio. Mas, mesmo assim, a banda conseguiu superar as expectativas dos fãs em pouco mais de 2h de apresentação. Os motivos foram muitos, mas basicamente todos giram em torno da estrela que Dave Grohl, criador, vocalista e guitarrista do grupo, é no palco. 

Veja o que Dave Grohl aprontou no palco Mundo do Rock in Rio para deixar os fãs tão entusiasmados:

1. Pedido de casamento

Não foi a primeira vez que isso rolou no show do Foo Fighters. Mas vamos combinar que ter Dave Grohl e a plateia toda do Rock in Rio como testemunhas no seu pedido de casamento deve ser um baita sonho realizado.

2. Cover do Queen

A banda tocou covers de Under pressure e Love of my life, do Queen. Também homenagearam os Beatles, com referência a Blackbird, e os Rolling Stones, com Start me up.

3. Nirvana

Dave Grohl lembrou que tocou com o Nirvana no Brasil em 1994, época em que escreveu Big me. Vale recordar aqui o músico foi baterista do Nirvana. Ao tocar a música, dedicou ao Weezer, banda que fez cover do Nirvana (da canção Lithium) pouco antes. Dave disse à plateia que chorou ao ouvir a versão no camarim.

4. Elogios

Além de confessar ter chorado com a versão de Weezer da música Lithium, Dave Grohl também elogiou Júnior Bass Groovador, baixista brasileiro que tocou a versão forró Smell like teen Spirit, do Nirvana,com Jack Black e Tenacious D antes do show do Foo Fighters.

+ Drake proíbe transmissão, e TV e fãs se ‘vingam’ com Rihanna

5. E o que o Niam Gallagher estava fazendo na bateria?

Na bateria, tinha uma foto do Noel Gallagher, do Oasis.

Veja as fotos do show do Foo Fighters no Rock in Rio 2019:

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos