A banda de rock The Strokes, que está mais do que bem-posicionada nas paradas de sucesso de ambos os lados do Atlântico, vai ser a atração principal dos festivais britânicos de Leeds e Reading 2002, anunciaram na terça-feira os organizadores.

A previsão é que a banda de Nova York, que no passado foi promovida aos palcos principais dos dois festivais a pedido do público, atraia mais de 100 mil fãs aos eventos, que terão lugar num feriadão entre 23 e 25 de agosto.

“Este ano, The Strokes virou a banda mais comentada na Grã-Bretanha”, disse o promotor do evento, o grupo The Mean Fiddler. “Eles não vão tocar em nenhum outro lugar no país este ano, de modo que estes dois shows serão a única oportunidade que os britânicos terão de vê-los.”

A banda britânica Pulp, que este ano deu a volta por cima nas paradas com “We Love Life”, será a segunda atração principal dos festivais.

O Reading é visto há anos como um dos pontos altos do calendário musical britânico, e, depois do festival de Glastonbury, é o evento de maior prestígio no país.

Suas origens, nos anos 1960, estão fincadas no jazz, mas o teor foi mudando ao longo dos anos. Hoje, o festival é tido como um dos principais eventos anuais de rock.

Outros grupos que deverão se apresentar nos festivais deste ano incluem Prodigy, Guns’N Roses, Ash e Foo Fighters

Fechar X
Sem mais artigos