pod

Crédito: Divulgação

Uma empresa espanhola criou um aparelho para grávidas um tanto quanto polêmico. O “Babypod”, que tem um dispositivo para ser inserido dentro da vagina, promete fazer o bebê ouvir música dentro do útero.

Segundo a empresa, a justificativa é que o bebê percebe os sons “muito amortecidos” através da barriga. Já com o aplicativo, a gestante pode escolher as músicas que deseja que o bebê ouça e também pode gravar mensagens para o filho com a própria voz.

O Instituto Marquez, centro internacional de ginecologia, obstetrícia e reprodução assistida de Barcelona, na Espanha, testou o dispositivo em centenas de mulheres e comparou a música tocada através da barriga e a vaginal. O resultado mostrou que os bebês que ouviram a música por meio do dispositivo intravaginal abriram a boca e colocaram a língua para fora.

O aparelho deve ser conectado a um smartphone ou MP3 e depois inserido na vagina. Ele pode ser usado a partir da 16ª semana de gestação, com uso recomendado de 10 a 20 minutos por dia.

O custo médio do BabyPod é de R$ 550, já com a taxa de entrega no Brasil.

Dá uma olhada como funciona:

Fechar X
Fechar X
Sem mais artigos