Reprodução/Instagram/Thinx

Reprodução/Instagram/Thinx

Bela Gil voltou a causar polêmica na última semana ao falar que não usa absorvente e deixou de usar os coletores menstruais.

Surgiu, então, a pergunta: o que ela usa durante o ciclo menstrual? A própria apresentadora explica: “muitas pessoas me perguntaram por que não uso coletor de menstruação, aquele copinho de silicone. Já usei muitas vezes, mas como tenho menstruação muito forte, não é suficiente”.

Bela-Gil-diz-não-usar-absorventes-e-mostra-calcinha-especial

Reprodução/Snapchat

“Esta calcinha é a solução. Mais um jeito de a gente viver poluindo menos o meio ambiente. Imagina o quanto de modess não deve ter por aí, sendo jogador fora?”, disse Bela, ao mostrar as calcinhas que costuma usar.

Mas, vamos ao que interessa, como funciona exatamente essa calcinha? Onde comprar? Ela é reutilizável? É muito caro? Entrega no Brasil? Vamos responder todas essas perguntas!

1200_grid_15_col_

Reprodução/Thinx

A primeira coisa que você precisa saber é que a Thinx, que faz esse tipo de calcinha, é a marca pioneira nesse mercado. Ela foi criada por três mulheres: Miki Agrawal e sua irmã gêmea Radha, e a amiga Antonia Saint Dunbar. Depois de três anos pesquisando tecnologia e design, a marca finalmente nasceu.

E como funciona essa magia toda?  São quatro camadas de tecido super tecnológico e anti-microbiano, que absorve toda a umidades e evita vazamentos. Segundo a Thinx, a primeira camada “luta contra as bactérias e absorve qualquer líquido para a camada mais fina que está logo abaixo dessa, portanto, você fica sempre seca”. “E, não, elas não são como fraldas e também não é como sentar no seu próprio sangue”, faz questão de esclarecer a marca.

mplflom

 

Se você tem o fluxo muito intenso, saiba que são 6 tipos de calcinhas, uma para cada tipo de fluxo. E, sim, você, pode usar a calcinha por um dia inteirinho, sem precisar trocar.

Para os dias de fluxo mais intenso, são indicados os modelos Hiphugger, HI-Waist e Boyshort, o que a empresa garante ser o “equivalente a capacidade de dois absorventes internos”, você só teria que trocar a calcinha uma vez mesmo.

FotorCreated

Modelos Hiphugger, HI-Waist e Boyshort (Reprodução/Thinx)

Para os dias de fluxo médio, a calcinha modelo Sport é o mais indicado. Já para os dias de pouco fluxo, a Thinx indica o modelo Cheeky. Para os dias de pouquíssima menstruação, o modelo ideal é a Thong.

novos modelos

Modelos Sport, Cheeky e Thong (Reprodução/Thinx)

Os preços são: Hiphugger (US$ 34), Hi-Waist (US$ 38), Boyshort (US$ 39), Sport (US$ 32), Cheeky (US$ 30) e Thong (US$ 24).  Ou seja, entre R$ 125 e R$ 77, dependendo do modelo. As cores disponíveis são sempre preto e bege.

Elas ainda não estão à venda em nenhuma loja o Brasil, mas o site oficial diz que faz entregas por aqui, é só fazer o pedido online mesmo.

As calcinhas são reutilizáveis e podem durar até dois anos. Você deve seguir a recomendação de enxaguar a calcinha individualmente, depois lavar na máquina com água fria e deixá-la secar.

Ah, a Thinx está envolvida no projeto AFRIpads, que produz absorventes reutilizáveis para as mulheres africanas, já que 100 milhões de meninas perdem dias de aula e até abandonam os estudos por causa da “semana da vergonha”. Com as doações, elas conseguem estudar e batalhar por uma vida melhor. Bem legal, né?

14115004_1070739389657997_2340843782014338000_o

Reprodução/Facebook/AFRIpads

 

Fechar X
Sem mais artigos